Bolo de maçã, noz e alfarroba / Apple, walnut and carob cake

(for the English version please scroll down)

Cada dia desta semana equivaleu a 3 dias de uma semana normal. Mas os dias lá se passaram e chegou, finalmente, o sábado! É que quando o homem que vos aquece o coração vive longe e só o podem ver de meses a meses, garanto que a semana até chegar o dia de o ir buscar ao aeroporto é um desassossego! Mas tudo vale a pena naquele momento em que chegam ao aeroporto e correm (sim andar calmamente está completamente fora de questão) para as chegadas, coração a mil, olhando, ansiosamente, para a porta que abre e fecha e, finalmente, lá o vêem a sorrir para vocês apesar do cansaço das muitas horas de voo. Nesse momento acaba o desassossego e só há espaço para a alegria.

1

E como alegria para mim rima com bolo não poderia deixar de lhe fazer um. E já agora, de vos trazer a receita a vocês também. Este bolo é uma versão de uma receita que fazia em adolescente e está escrita à mão no meu caderninho de receitas. Soa quase pré-histórico mas havia um tempo em que as receitas se anotavam à mão e não em pins do pinterest 😉 A receita original até não era das menos saudáveis, pois leva imensa maçã e nozes, a única gordura é mesmo a das nozes. O que fiz foi substituir o açúcar branco refinado por açúcar amarelo, melaço e banana e juntar-lhe farinha de alfarroba.

2

Aliás, devo confessar que descobri a alfarroba muito recentemente. Como é que é possível?! Aliás o Algarve é famoso pelas suas alfarrobeiras… Como é que esta iguaria esteve tanto tempo arredada da minha cozinha? Não vos sei dizer. É claro que já tinha visto bolachas, bolos, broas de alfarroba nas lojas de comida saudável, mas não me pareciam assim as mais apelativas. Talvez por se tentar que a alfarroba funcione como um substituto do chocolate ou cacau e não lhe ser dado o protagonismo devido. A verdade é que a alfarroba tem um sabor próprio, doce, frutado e delicioso. E querem saber o melhor? Também vem com o bónus de ter coisas que nos fazem bem. É rica em antioxidantes, ferro e cálcio.

4

O bolo não é excessivamente doce, mas é fofo, húmido e fresco por causa da maçã, rico por causa das nozes, aromático por causa da alfarroba e da canela. O sabor da alfarroba é enaltecido pelo toque ligeiramente ácido e malte do melaço, bem como pela frescura da laranja. Uma delícia! Experimentem porque vale a pena. É perfeito para o lanche com uma boa chávena de chá, especialmente quando partilhado… por isso se me permitem hoje o texto fica por aqui que tenho uma fatia de bolo para ir comer a dois.

5

7

Ingredientes

  • 120 gr. de farinha para bolos
  • 200 gr. de açúcar amarelo
  • 1 colher de sopa (cheia) de melaço de cana
  • 1 banana pequena madura e esmagada
  • 200 gr de nozes
  • 200 gr de maçã (usei uma maçã reineta grande e 1 maçã e ½ de roer)
  • 2 colheres de sopa de farinha de alfarroba
  • 4 ovos biológicos
  • 1 laranja
  • 1 colher de chá de canela
  • 1 colher de chá de fermento
  • 1 colher de chá de bicarbonato de sódio
  • 1 pitada de sal

Pré-aqueçam o forno a 180º. Untem e polvilhem a forma com farinha.

Cortem a mação em pedacinhos pequenos para uma tigela. Juntem a raspa da laranja e o sumo da mesma e reservem.

Num robot de cozinha (ou 123 ou com uma faca afiada) piquem metade das nozes finamente e a segunda em bocados maiores.

Com uma varinha de arames ou com a batedeira eléctrica batam os ovos com o açúcar até ficarem esbranquiçados e fofos. Juntem o melaço e a banana e envolvam bem. Juntem, peneirando, a farinha, a farinha de alfarroba, o fermento, o bicarbonato, a canela e a pitada de sal. Envolvam delicadamente. Finalmente envolvam as nozes e a maçã. Levem ao forno na forma untada e polvilhada, por 45 minutos aproximadamente (vai sempre variar um pouquinho de forno para forno).

Desenformem e se quiserem polvilhem com um pouco mais de farinha de alfarroba.

 


 

Apple, walnut and carob cake

This week each day seemed to never end. But they went by and finally, oh finally, Saturday came! When the man who warms your heart comes to visit whom you haven’t seen for months that’s all you think about. And it’s all worth it when you get to the airport, run to arrivals, your heart racing, staring anxiously to the door, and you see him smiling at you. In that moment all the unrest and agitation ceases and there’s only room for joy.

6

For me being happy means baking a cake, so I had to bake him one. Oh and I didn’t forget about you so here’s the recipe. This cake is a version of one I used to bake in my teenage years. The original recipe is written by hand in my little 2 decade old note book. It sounds almost prehistorical but there was a time when recipes were written down and not pined on pinterest 😉 . The original recipe was already on the healthish side. It used a lot of apples and walnuts, well the only fat it has is given by the walnuts really. What I’ve done was substituting the white refined sugar with golden sugar, molasses and banana, plus adding carob flour. And playing with the flavors a little bit to make it extra special.

And I should confess that carob is a very recent discovery for me. How is this even possible, how could this delicacy be apart from my kitchen for so long? I cannot explain it. Of course I had seen it before in cookies and cakes on the healthy shelfs of the supermarket, but they simply weren’t catchy enough I guess. Maybe because people try to sell carob as a chocolate substitute and not like its own thing. Truth is carob has its own flavor, sweet, malty, fruity and delicious. And want to know the best part? It also is good for you, because it’s high on antioxidants, iron and calcium.

The cake is not overly sweet, but it’s moist and fresh because of the apple, rich because of the walnuts, aromatic because of the carob and cinnamon. The carob is complemented by the acidity and malty notes of the molasses and the touch of freshness of the orange! It’s perfect with a good cup of tea, especially when shared with the one you love.

Ingredients

  • 120gr of cake flour
  • 200 gr of golden sugar
  • 1 heaping table spoon of blackstrap molasses.
  • 1 small ripe banana mushed up
  • 200 gr of walnuts
  • 4 organic eggs
  • 1 orange
  • 1 tea spoon of cinnamon
  • 1 tea spoon of baking powder
  • 1 tea spoon of bicarb
  • 1 pinch of salt

Preheat your oven to 180º. Grease and dust a cake tin with flour.

Peel and cut the apple into small cubes onto a small bowl. Add the zest and squeeze in the orange.

In a food processor (or with a sharp knife) chop finely half of the walnuts and chop coarsely the other half.

Wisk the eggs and sugar together until pale and fluffy. Mix in the molasses and the banana. Gently sieve and fold in the flour, the carob flour, the baking powder, the bicarb, the cinnamon and the pinch of salt. Finally fold the walnuts and apples. Bake for around 45 minutes (it will vary a bit depending on your oven).

You can sieve a little bit of extra carob flour on top after it’s cooked.

 

Advertisements

3 thoughts on “Bolo de maçã, noz e alfarroba / Apple, walnut and carob cake

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s